Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Portador

Quinta-feira, 14.05.09

 

 

Eu sem margem de erro

Continuo dentro do limite,

Procurando-a merecer

Este amor e vírus

Que comigo irá morrer

 

Comparo-a a uma deusa

Que por sinal é a minha margem

Contornada por lápis e caneta

Uma escrita bem a moda portuguesa

 

Tu portadora desta flor

Que em mim renasce a cada amanhecer

Fazes com que algo e tudo aconteça

Neste jardim de flor, amor, sedução e prazer

 

 

Portadora,

Portadora de minha alma

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Dragonsky às 23:13





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Maio 2009

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31





comentários recentes

  • Dragonsky

    sim vou claro ;D com muito prazer

  • Dragonsky

    muito obrigado Dragonsky

  • sofiazinha

    Gostei muito deste poema!! Absolutamente maravilho...

  • sofiazinha

    Vejo que o teu blogue anda muito desactualizado ma...

  • sofiazinha

    Sim sim deves sempre lutar pelos teus sonhos e aci...

  • sofiazinha

    A vida deve ser levada sempre com um bom sorriso,n...

  • MIGUXA

    Olá Sérgio,Lindo!!!Adorei...Beijos docesMargarida

  • soraia

    Amo te meu amor :)

  • MIGUXA

    Olá Sérgio,Gostei muito deste teu poema... e "de t...

  • MIGUXA

    Sérgio,Lindo o teu poema, doces as palavras que fa...




subscrever feeds